09/04/2021 às 19h53min - Atualizada em 09/04/2021 às 19h53min

Empresa de Baixo Guandu é a única capixaba a fazer parte da Endeavor

Fonte Frete Rápido
A Frete Rápido fundada em Baixo Guandu e a primeira Sociedade Anônima (SA) se tornou também a única empresa capixaba a fazer parte da maior organização de empreendedores e para empreendedores do Brasil.

Trazida ao Brasil no ano de 2000 por Jorge Paulo Lemann e Beto Sicupira (donos de empresas como Ambev, Burger King e Kraft Heinz) a Endeavor é uma organização global sem fins lucrativos que tem a missão de acelerar empreendedores e empreendedoras de modo a impactar o crescimento do país. Atualmente empreendedores como Luiza Trajano (Magazine Luiza) e Paulo Veras (app 99) além do próprio Jorge Paulo Lemann e muitos outros empresários de sucesso compõem a Endeavor no Brasil.

Mas como uma empresa de Baixo Guandu chega lá?

Essa é uma pergunta que os fundadores da empresa sempre respondem aos mais próximos. Antes de falar como chegaram é preciso conhecer um pouco mais sua história:

A Frete Rápido nasceu em Baixo Guandu no ano de 2015, seus fundadores e principais acionistas (Mário, Sheila e Clóvis Rodrigues) são irmãos nascidos e crescidos em Baixo Guandu. Hoje eles controlam 90% das ações da empresa, os outros 10% são de investidores.

Ao contrário do que o nome sugere a Frete Rápido não é uma transportadora, mas sim um HUB (sistema virtual) que conecta mais de 300 transportadoras em seus clientes, que são sempre outras empresas. A ideia no início parecia louca, mas sempre fez sentido. “Fomos a primeira empresa desse tipo no Brasil, e hoje somos a maior de toda América Latina”, diz Mário Rodrigues.

Com uma carteira de clientes compostas por multinacionais como Nestlé, Asus e Chevrolet, e diversas empresas nacionais como Pague Menos, Gazin, Le Biscuit e Guess a empresa transacionou somente no primeiro trimestre de 2021 mais de R$ 100 milhões de reais em produtos e fretes, a fim de comparação, esse valor equivale a soma de todas as indenizações já pagas pela Renova na cidade de Baixo Guandu.

Não está nos planos dos fundadores retirar a sede da cidade, eles possuem uma filial em São Paulo, no bairro Vila Olímpia que é estratégica para o crescimento da companhia, e com o impacto da pandemia do novo coronavírus vem fazendo home office com a maioria dos colaboradores. E por falar em colaboradores, são talentos da nossa cidade que trabalham diariamente construindo esse case de sucesso ainda desconhecido pela maioria das pessoas da região. Com todo crescimento e inúmeros impressionantes a empresa possui um lema que é focado no “pé-no-chão” e nunca esquecer de onde cada pessoa veio, sua história e principalmente, as dificuldades e desafios vividos até aqui.
Link
Notícias Relacionadas »